Histórico


    Categorias
    Todas as mensagens
     Citação


    Votação
     Dê uma nota para meu blog


    Outros sites
     Blog SOS Poema. Globalização, contr-cultura, arte cibernética. Galera de Pernambuco.
     Bagatelas-Revista literária
     Revista Bravo. Palavras chaves: arte, moda, cultura, tendências.
     Escrituras de Anna K
     Filmekos - Videoblog para mostrar os trabalhos da galera da margem.
     Fotolog da Jamila, a menina da risada psicótica
     Blog comunitário de escritores de todo Brasil.
     Blog Randomico - Jornalista Brasiliense e sua visão da vida
     Blog Geekado - Webdesing, Web art, web hits e muito mais


     
    N coisas


    Poesia


    SÉCULO XXI – 1º ATO

    O Equilíbrio. Ser Equilibrado.
    Seguir rotinas sem se queixar
    Ser sóbrio, calmo, correto
    Ser disciplinado, ordeiro: disciplinado!
    Acordar cedo para trabalhar.
    Ter um computador com acesso à Internet
    Ter um “e-mail” e um celular de conta
    Que bata fotos e conecte à rede.
    Ir à igreja, ao shopping, aos Bancos
    Comprar sorvetes, automóveis e TV de Plasma.
    Consumir, poupar e investir.
    Beethoven não é necessário!
    Nietzsche é um ordinário!
    Esquerda é pra sectários!
    Pensar? Desde que juridicamente.
    TV Globo, SBT ou Record
    Luciano Huck, Faustão ou Gugu
    Ser solidamente imbecil
    Desde que solidamente.
    Ser etnocêntrico, jamais excêntrico.
    Mozart é dispensável
    Roberto Carlos não é lamentável.
    Seguir os ditames do cronômetro
    Ir às churrascarias ou rodízios de pizzas
    Respeitar empresários, desprezar mendigos
    Escolher criteriosamente os “bons” amigos
    Consumir, poupar, investir.
    Chopin é descartável
    Drummond de Andrade é depressivo
    Lair Ribeiro, Jô Soares e o Diário de um Mago
    Ter sempre uma bíblia embaixo dos braços
    Morar no Leblon, Barra ou Ipanema
    Defender a ocupação das favelas
    Estudar inglês e se formar em Engenharia
    Mahler não é importante
    Ser normal, fazer análise
    Usar terno e sapato de pelica
    Relógio de pulso e bolsa de couro
    Fernando Pessoa é um tresloucado
    Beber uísque e vinho importados
    Ser evangélico, temente a Deus.
    Orar, orar, orar.
    Horar, horar, horar.
    Honrar pai e mãe ser fiel e feliz
    Repetir opiniões consagradas para não errar o que diz
    Infinitivamente choro regularmente
    Sinto um tanto desmedidamente
    Pensar é do meu cotidiano
    Mas vou me esforçar pra tornar-me mediano
    Fazer autocrítica e procurar um “pastor”

    Antônio Carlos Teixeira



    Escrito por ViniDias às 09:11:01 AM
    [] [envie esta mensagem] []




    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]